terça-feira, 30 de setembro de 2014

PROJETO ARTE E VIDA NO HOSPITAL DA POSSE

Desde o mês passado o Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI/Hospital da Posse) está proporcionando para crianças internadas atividades que estimulam a autoestima e despertam a criatividade. Através do projeto Arte e Vida – realizado uma vez por mês – os pacientes e seus acompanhantes participam de oficinas de reciclagem e artesanato, pintura, atividades recreativas, teatro de fantoche e orientações de prevenção à saúde, além de cuidados com a beleza. As ações acontecem para crianças nas enfermarias da pediatria e também na emergência pediátrica.


O projeto, coordenado pelo setor de Capelania e pela Classe Escolar da unidade, reúne profissionais voluntários em diversas áreas com objetivo de tornar o período de internação mais confortável e humanizado para a criança. A segunda edição aconteceu no dia 19/09.

“Mesmo em um ambiente hospitalar é importante para o paciente, principalmente para as crianças, que haja um acolhimento mais humanizado. Atividades como essa influenciam e auxiliam, inclusive, em uma resposta mais rápida no tratamento médico”, destaca o secretário municipal de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Júnior, ressaltando as ações que estão sendo realizadas pelo prefeito Nelson Bornier na segunda fase do programa Nova Saúde Iguaçu.


“No Hospital da Posse estamos construindo o Centro de Tratamento de AVC e do Idoso e vamos iniciar a ampliação da Sala Vermelha, aumentando o número de leitos. Já inauguramos dez Clínicas da Família, sendo duas com emergência 24hs. Até o final do ano serão 19 com atendimento ambulatorial e mais uma Clínica 24 horas, além da UPA de Comendador Soares inaugurada neste sábado. Nova Iguaçu vive hoje outra realidade na saúde pública, onde a população se sente respeitada”, afirma.



Além das atividades para as crianças, o projeto viabiliza ações para mães e acompanhantes. Enquanto as crianças se divertiam, elas ganham um dia de beleza, com manicure, cabelereiro e limpeza de pele. “Muitas crianças precisam ficar internadas por um longo período até a conclusão do tratamento e com isso, os pais acabam saindo da rotina e permanecem “internados” junto com os filhos. O acolhimento e assistência psicológica são fundamentais para que esses pais possam se sentir seguros e confiantes para continuar apoiando os filhos no tratamento e recuperação”, garante o diretor da unidade, Joé Sestello.

A dona de casa, Isabela da Silva Marques, de 45 anos, aproveitou o evento para cuidar dos cabelos. “Desde que meu filho fraturou o braço, não sei o que é cuidar de mim, fazer o cabelo ou a unha. Tenho ficado com ele todo momento para que se recupere rápido. Poder ver dentro do hospital uma iniciativa como essa, elevou minha autoestima e me deu mais força para cuidar dele”, disse a dona de casa, mãe de Fabrício Marques Brito, de 9 anos, que estava internado há dez dias e já teve alta

Além da pediatria, as ações da Capelania atuam também em outros setores do hospital, levando aos pacientes e seus familiares, apoio psicológico, conforto e fé. “A capelania possui voluntários de todas as religiões. Conseguir o sorriso de uma criança ou adulto em meio a esse momento difícil vivido dentro de um hospital é a maior recompensa que podemos ter”, afirma o pastor Paulo Ogg, um dos voluntários da Igreja Batista.



Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fonte: HGNI

PROJETO ARTE E VIDA NO HOSPITAL DA POSSE

Desde o mês passado o Hospital Geral de Nova Iguaçu (HGNI/Hospital da Posse) está proporcionando para crianças internadas atividades que estimulam a autoestima e despertam a criatividade. Através do projeto Arte e Vida – realizado uma vez por mês – os pacientes e seus acompanhantes participam de oficinas de reciclagem e artesanato, pintura, atividades recreativas, teatro de fantoche e orientações de prevenção à saúde, além de cuidados com a beleza. As ações acontecem para crianças nas enfermarias da pediatria e também na emergência pediátrica.


O projeto, coordenado pelo setor de Capelania e pela Classe Escolar da unidade, reúne profissionais voluntários em diversas áreas com objetivo de tornar o período de internação mais confortável e humanizado para a criança. A segunda edição aconteceu no dia 19/09.

“Mesmo em um ambiente hospitalar é importante para o paciente, principalmente para as crianças, que haja um acolhimento mais humanizado. Atividades como essa influenciam e auxiliam, inclusive, em uma resposta mais rápida no tratamento médico”, destaca o secretário municipal de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Júnior, ressaltando as ações que estão sendo realizadas pelo prefeito Nelson Bornier na segunda fase do programa Nova Saúde Iguaçu.


“No Hospital da Posse estamos construindo o Centro de Tratamento de AVC e do Idoso e vamos iniciar a ampliação da Sala Vermelha, aumentando o número de leitos. Já inauguramos dez Clínicas da Família, sendo duas com emergência 24hs. Até o final do ano serão 19 com atendimento ambulatorial e mais uma Clínica 24 horas, além da UPA de Comendador Soares inaugurada neste sábado. Nova Iguaçu vive hoje outra realidade na saúde pública, onde a população se sente respeitada”, afirma.



Além das atividades para as crianças, o projeto viabiliza ações para mães e acompanhantes. Enquanto as crianças se divertiam, elas ganham um dia de beleza, com manicure, cabelereiro e limpeza de pele. “Muitas crianças precisam ficar internadas por um longo período até a conclusão do tratamento e com isso, os pais acabam saindo da rotina e permanecem “internados” junto com os filhos. O acolhimento e assistência psicológica são fundamentais para que esses pais possam se sentir seguros e confiantes para continuar apoiando os filhos no tratamento e recuperação”, garante o diretor da unidade, Joé Sestello.

A dona de casa, Isabela da Silva Marques, de 45 anos, aproveitou o evento para cuidar dos cabelos. “Desde que meu filho fraturou o braço, não sei o que é cuidar de mim, fazer o cabelo ou a unha. Tenho ficado com ele todo momento para que se recupere rápido. Poder ver dentro do hospital uma iniciativa como essa, elevou minha autoestima e me deu mais força para cuidar dele”, disse a dona de casa, mãe de Fabrício Marques Brito, de 9 anos, que estava internado há dez dias e já teve alta
Além da pediatria, as ações da Capelania atuam também em outros setores do hospital, levando aos pacientes e seus familiares, apoio psicológico, conforto e fé. “A capelania possui voluntários de todas as religiões. Conseguir o sorriso de uma criança ou adulto em meio a esse momento difícil vivido dentro de um hospital é a maior recompensa que podemos ter”, afirma o pastor Paulo Ogg, um dos voluntários da Igreja Batista.



Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fonte: HGNI

HÁBITOS SAUDÁVEIS EM QUEIMADOS COM O MOVE BRASIL

Acabar com o sedentarismo, reduzir o nível de estresse, incentivar à prática de exercícios físicos e de hábitos saudáveis diários. Esses são os objetivos da Semana Move Brasil, do SESC-Rio, que aconteceu dos dias 21 a 28 de setembro, e realizado na última semana em Queimados. Professores de educação física visitaram algumas unidades da Prefeitura Municipal para realizar ações de incentivo a saúde com a prática de ginástica laboral, exercícios de alongamento e de equilíbrio para os funcionários do órgão público. As atividades foram realizadas nas Secretarias Municipais de Educação, de Assistência Social e no abrigo para menores.


De acordo com o professor de educação física do projeto, Bruno Rodrigues, as visitas aos órgãos públicos foram feitas de surpresa justamente para corrigir os erros comuns dos funcionários em relação à postura durante o trabalho. “A qualidade de vida dos funcionários depende de vários fatores. Não é só fazer atividade física, tem que ter uma alimentação saudável e se cuidar. Nossa missão é incentivar as pessoas saírem do sedentarismo. Fazer com que elas parem menos 10 minutos do seu dia para se alongar e assim prevenir doenças ligadas por esforços repetitivos como lesões por esforços repetitivos, LERs, e distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho, DORTs”, comentou o professor, após as atividades com os funcionários da Secretaria de Assistência Social.   


Para a secretária de Assistência Social, Ana Paula Rosalino, a iniciativa do projeto é ótima para que os próprios funcionários criem hábitos saudáveis. “Muitas vezes não fazemos qualquer tipo de exercício ao longo dia e isso é prejudicial a nossa saúde. Passamos muitas vezes mais de oito horas sentados em frente ao computador, o que pode prejudicar nossa postura e articulações. Temos que criar o hábito de fazer exercícios para prevenir contra possíveis doenças”, comentou.           


O Move Brasil é uma campanha que nasceu para reforçar a importância da prática de esporte e atividades físicas em todas as idades. A proposta é que as pessoas percebam que o esporte, além de melhorar a qualidade de vida, promove o desenvolvimento social. A iniciativa acontece em parceria com empresas privadas e órgãos públicos gratuitamente aos funcionários.  

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fotos: Bruno Anacleto-PMQ 

A LUZ DO DIA NÃO É PROBLEMA PARA OS LADÕES

Nova Iguaçu sofre com roubos de carros na cidade em plena luz do dia 

O amento no roubo de veículos tem deixado a polícia em alerta na Baixada Fluminense. 
Desde o início do processo de pacificação das comunidades do Rio, essa modalidade criminal vem provocando terror na população, assustada com a ousadia dos bandido, que agem mesmo à luz do dia .

Em Nova Iguaçu, a onda de roubos a veículos atinge mais regiões próximas à Rodovia Presidente Dutra e Via Light, devido a facilidade de fuga das quadrilhas especializadas. E cada ação se transforma em estatística, e poucos veículos recuperados.

No último sábado, à tarde, os bandidos voltaram a agir no Jardim Iguaçu, bairro localizado às margens da rodovia federal que liga o Rio de Janeiro a São Paulo. De acordo com testemunhas, uma quadrilha de homens armados realzou ataques em diversas ruas da região e levaram um Siena e um outro carro que não foi identificado. Alguns seguranças do comércio local ainda saíram em perseguição aos ladrões, que conseguiram fugir em direção à Dutra, usando outros veículos como escudo.

MORADORES SE SENTEM REFÉNS
Revoltado, um morador desabafou: “Quase todo dia tem roubo de carro aqui. Virou até rotina. Os bandidos atacam a qualquer hora do dia ou da noite. Nos sentimos inseguros com toda essa violência”, disse, sem querer se identificar. “Já tem gente querendo fazer justiça com as próprias mãos, por causa da falta de policiamento. O Jardim Iguaçu é um mais visados pela bandidagem”, afirmou um comerciante da região.


Bandidos levam carrão de R$ 100 mil

As quadrilhas de roubo de carros também estão de olho na região central de Nova Iguaçu, onde o nível das famílias é de classe média alta. No domingo (dia 21), homens fortemente armados atacaram mãe e filha em frente ao condomínio de luxo. A ação foi registrada por câmeras de segurança do local. O equipamento flagra quatro homens armados de fuzil roubando uma Land Rover branca, avaliada em R$ 100 mil, na Avenida Dr. Mário Guimarães, após renderem as vítimas.

Agentes da da 52ª DP (Nova Iguaçu) informaram que o veículo foi usado para roubar outro carro na Pavuna, na Zona Norte do Rio, na última quarta-feira, e que os ladrões são do Morro do Chapadão.

De acordo com o Instituto de Segurança Pública (ISP), entre abril de 2012 a maio de 2014 houve um aumento de 37% dos roubos de carros na Baixada. Duque de Caxias lidera o crime, com 255 carros roubados em 2012, contra 455 em maio 2014. Nova Iguaçu vem em seguida, com 181 veículos roubados em 2012 e 242, em 2014. Os municípios de Nilópolis e Mesquita completam a lista dos locais com maior índice.

Ainda segundo o ISP, de janeiro a agosto do ano passado foram 6.238 veículos roubados em relação ao mesmo periodo deste ano quando foram registrados 8.207 roubos de carro na Baixada.




Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fonte: Hora H


CICLISTA É ESMAGADO POR CAMINHÃO EM NOVA IGUAÇU

Um ciclista foi atropelado por um caminhão na tarde de ontem, no bairro Andrade Araújo, em Nova Iguaçu. A vítima, que não foi identificada, morreu no local.
De acordo com testemunhas, o veículo atropelador seria um caminhão que presta serviço para a prefeitura. O acidente aconteceu na Rua Clara de Araújo, uma via bastante movimentada. Algumas pessoas que presenciaram o acidente informaram que o veículo teria esbarrado na vítima, que caiu sob as rodas e teve a cabeça esmagada. O motorista fugiu sem prestar socorro. Câmera de vigilância de uma residência nas imediações pode ter registrado o atropelamento. O caso foi registrado na 58ª DP (Posse).


Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fonte: Jornal Hora H



segunda-feira, 29 de setembro de 2014

EMPRESÁRIO E AMANTE ASSUMEM SEREM ELES EM VÍDEO DE SEXO E NÃO VIVIANE ARAÚJO

Viviane Araújo fez questão de comemorar o desfecho publicado

O empresário de 36 anos, e sua amante, a autônoma, de 31, que pedem para ter suas identidades preservadas, contaram que são eles o casal que aparece fazendo sexo do lado de fora do carro, no meio da rua, na madrugada do último dia 14. Eles, porém, negam qualquer envolvimento com a divulgação do vídeo e com a associação ao nome da atriz da novela “Império” no caso.

As imagens do vídeo foram gravadas no bairro Morumbi, Zona Oeste, por câmeras de segurança de um condomínio de luxo.

“Somos namorados há nove anos. Estávamos numa balada no Morumbi, comemorando o aniversário dela. Saímos de lá com a intenção de ir para um hotel mais próximo. No meio do caminho, ela descobriu que estava sem documento de identidade e, por isso, não dava para irmos ao hotel. Ela tinha bebido um pouco. Eu não bebo. A gente começou com algumas carícias dentro do carro, e como ficou uma situação apertada, nós decidimos parar ali”, conta o empresário, ainda bastante assustado com toda a repercussão da história.

“A hora em que eu desço do carro, todos acham que eu olho para a câmera. Na verdade, eu olho pra saber se tinha alguém nos observando. Vimos um carro se aproximando. Ela viu o veículo e achou que tinha alguém nos olhando, mas não sabíamos que estávamos sendo filmados. Aí decidimos ir embora. Foi algo rápido, coisa de três minutos. Nunca fizemos sexo na rua, foi a primeira vez. Aquela era para ser uma noite muito especial. E, até acontecer essa repercussão, foi. Depois, fomos para a casa dela, ali perto, e ficamos por lá”, continua.


Viviane Araújo fez questão de comemorar o desfecho publicado pela Retratos da Vida sobre a polêmica envolvendo o seu nome num vídeo de sexo. "Os humilhados serão exaltados!" Obrigada a todos que estiveram do meu lado!”, postou ela em seu Instagram, agradecendo o apoio dos fãs e amigos.

"Vamos manter tudo como está. Essa matéria só vai facilitar a vida do delegado, que agora já sabe o local exato da filmagem. Temos elementos para acelerar a investigação e as autoridades vão apurar exatamente quem fez as imagens, mas principalmente o que queremos saber: quem colocou na Web como se ela fosse a mulher no vídeo. Esse é o crime! Mais tarde vou ligar para o delegado para saber como estão as coisas", declarou Regina, representante de Viviane, que ainda falou como está a atriz: "Com a Viviane, falei logo cedo, antes dela sair para gravar. Ela está muito aliviada. Mas quer que a gente dê prosseguimento".


Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fotos: Google
Fonte: Alumas fontes foram retiradas do site R7.com e Ego

AMBIENTE ITINERANTE VAI AO BAIRRO JARDIM DA FONTE EM QUEIMADOS

Projeto leva conhecimento de práticas sustentáveis amanhã (30)

Com a intenção de aproximar as comunidades das boas práticas ambientais, o projeto Ambiente Itinerante, da Secretaria Municipal do Ambiente (SEMAM), estará no bairro Jardim da Fonte na próxima terça-feira (30), a partir das 9 horas, na Rua Tomas Pereira, nº 6. A ação educativa vai levar os moradores a aprender, na prática, a fazer hortas suspensas, jardins de pneus, descarte de óleo e brinquedos com material reciclável, além de receberem sementes e cartilhas sobre o meio ambiente. Esta é a terceira ação do projeto que acontece mensalmente em toda a cidade e já passou pelos bairros Fanchem e Valdariosa.


Segundo o secretario municipal do Ambiente, Alex Dornellas, os bairros a receberem o Ambiente Itinerante são determinados por meio de um estudo dos lugares mais vulneráveis na questão ambiental. “A nossa ideia é aproximar a população e transformá-los em nossos parceiros no cuidado com o ambiente, é uma iniciativa que traz muitos benefícios para a cidade. Mostrar que eles são multiplicadores de práticas positivas com o meio ambiente”, explica o secretário. No Jardim da Fonte a vulnerabilidade está ligada ao escoamento de lixo. 

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fotos: Luiz Ambrósio

CORPO DE JANDIRA MAGDALENA FOI ENCONTRADO MUTILADO

A jovem foi enterrada ontem



O exame de DNA deu positivo, e foi realizado numa amostra de tecido que foi comparado com o material genético da mãe de Jandira, o teste comprovou que os restos mortais são mesmo da jovem. Antes de ser queimado, o corpo teve a arcada dentária retirada e os membros superiores e inferiores cortados, para dificultar a identificação.

Aproximadamente 50 pessoas acompanharam o enterro, que por sinal causou muita revolta aos familiares e amigos da jovem.

Samuel Cruz, pai de Jandira, disse ter ficado impressionado com o que a quadrilha fez com o corpo da jovem. "O que mais me revolta é terem mutilado a minha filha. Ela era uma pessoa incrível", desabafou.


Em depoimento a irmã disse: ''Ela já pagou com a vida. É uma mistura de alívio e desespero. É muito triste saber que minha irmã morreu desse jeito, com tanta crueldade.

4 pessoas já foram presas acusadas de participarem do assassinato de Jandira, e o Disque Denúncia oferece recompensa de 1.000,00 reais para quem fornecer informações que possam levar ao falso médico Carlos Augusto Graça de Oliveira, que está com a prisão temporária decretada. Ele é suspeito de ser o responsável pela operação feita em Jandira, sob condições precárias.

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Foto: Google


quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Operação Gólgota prende 11 traficantes em Itaperuna


O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e a Promotoria de Investigação Penal de Itaperuna do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro, em parceria com a Coordenadoria de Inteligência da PMERJ, o 29º Batalhão de Polícia Militar de Itaperuna, a Polícia Civil e o Batalhão de Ações com Cães (BAC), realiza, nesta quinta-feira (25/09), a Operação Gólgota. Já foram presas, no início da manhã, 11 pessoas que tinha mandados de prisão preventiva expedidos por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Outros dois suspeitos foram detidos em flagrante também por tráfico de drogas. Ainda foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão. Os policiais localizaram drogas, dinheiro, joias e celulares utilizados pela quadrilha. O material será contabilizado. Os criminosos atuam nos morros do Castelo, Marca Tempo e Horto Florestal (Morro do Cristo) e no bairro Fiteiro.

A ação é resultado de denúncia oferecida pelo GAECO, em conjunto com a Promotoria de Investigação Penal de Itaperuna, no último dia 19, à 2ª Vara da Comarca de Itaperuna, contra mais de dez integrantes da organização criminosa. Os promotores relatam que a quadrilha, ao longo do tempo, construiu “uma verdadeira estrutura empresarial, tendo como foco a divisão, ainda que flexível, de tarefas, em que cada membro desempenhava uma função essencial para o sucesso da empreitada”.

Os integrantes, em geral, revezavam-se em suas funções. As investigações verificaram, ainda, que muitos, mesmo estando presos, continuavam a exercer suas atividades, traficando entorpecentes tanto dentro das unidades prisionais quanto comandando operações do lado de fora.

O alto comando era bem delineado, com diversos “cabeças” à frente da gerência e administração da quadrilha.”, Um dos líderes, Leandro Luiz da Silva, o “Jack Chan”, coordenava a compra e venda de drogas para as “bocas” que estavam sob sua gerência, assim como determinava a compra de armas. Ele foi assassinado no último domingo.  Charles da Silva, o “Charlinho” ou “CH”, e Saulo Silva dos Santos, conhecido como “Saulinho”, “Burro” e “Patati”, dividem o posto de “segundo homem” na hierarquia da quadrilha.

Ainda segundo as investigações, o grupo empregava ostensivamente armas de fogo dos mais variados calibres e se beneficiava do uso de menores para desempenhar o tráfico de drogas. Os adolescentes, inclusive, faziam uso das redes sociais para comunicar suas atividades ilegais e reforçar seu vínculo com a organização criminosa.

Participaram da operação 112 policiais militares e 24 policiais civis.


Foto: Divulgação

Chefe Mix acontece neste fim de semana na Barra da Tijuca

Feira gastronômica será realizada nos dias 27 e 28 de setembro

Evento reúne mais de 20 expositores, entre eles food trucks, com os mais variados pratos
Pelo terceiro ano consecutivo a Barra da Tijuca será o palco da feira gastronômica Chef Mix. No próximo fim de semana, 27 e 28 de setembro, o condomínio Cidade Jardim abrirá suas portas para os fãs da gastronomia de rua. Com mais de 20 expositores, entre eles food trucks do Rio e de São Paulo, e dezenas de pratos diferentes, com valor máximo de R$ 25,00, o Chef Mix é uma parada obrigatória para quem gosta de explorar novos sabores.

Com o foco na gastronomia urbana, os expositores levarão para a Chef Mix os sabores das ruas, mas com um toque da alta gastronomia. Na barraca Bread In Bear, por exemplo, os visitantes encontrarão pães e sanduíches, como o de costela bovina cozida lentamente na cerveja preta com croûtons de maçã. Já a Kitute Karioca levará um pouco da comida de boteco para a feira. A feijoadinha com risoto de couve será um dos destaques. Fãs de pastel terão na barraca Da Gema um vasto e criativo cardápio.

Mas a feira não se limita apenas aos quitutes das ruas. Crepes, comida asiática, mexicana, baiana e mineira, hambúrgueres, drinks, espumantes, sucos, doces, bolos, brownies e até comida “japonesa” feita com ingredientes brasileiros. Quem assina os falsos harumakis é a chef Monique Gabiatti.


“Como uma boa nordestina, amo tapioca! E outra paixão, é a comida japonesa! Aliás, freqüento algum restaurante japonês pelo menos 2 vezes na semana! Então, por que não unir essas duas delícias?! E com o emagrecimento do André Marques (fiz a dieta dele após sua cirurgia e o acompanho até hoje) esse roll ficou famoso, pois não leva arroz, recheio apenas com proteína, tornando mais leve, saudável e o queridinho das dietas”, revela Monique.

“Acho a idéia do Chef Mix fantástica. Desde a primeira edição abracei a idéia como se fosse minha, acho que a boa comida deve ser acessível a todos, gastronomia é cultura, é educação, e lógico, uma forma de amar ao próximo! É lindo ver a feira cheia, todos comendo, conversando e sorrindo! Sem falar que fiz bons amigos na Chef Mix e sempre levo para casa uma nova e deliciosa experiência”, finaliza Monique.

Entre os food trucks, o passeio pela culinária mundial vai dos espumantes argentinos à cozinha Italiana, passando pelo México com os caminhões Los Mendozitos, Nômade e Los Mexicanos. Os trucks levarão também ice coffees, drinks e comida saudável.   Além da gastronomia, a música também marcará presença na Chef Mix. A cantora Inglesa de Jazz Folakemi está confirmada e promete uma apresentação especial para os amantes da boa música. O DJ Luiz Mello, muito elogiado nas últimas edições do evento, será mais uma atração.

Além de tudo isso, o público terá a oportunidade de aprender um pouco da arte da culinária nas oficinas de gastronomia que acontecem nos dois dias de avento.

“A feira Chef Mix Gourmet nasceu para aproximar o grande público dos chefs de cozinha. O objetivo é que as pessoas possam desfrutar de um tempo prazeroso, degustando diferentes pratos de alto nível por preços mais acessíveis, promovendo a cultura gastronômica”, ressalta Allan Sales, organizador da feira.

As crianças que participarem da feira também poderão saborear pratos da alta gastronomia. A ideia é que os quitutes sejam apresentados aos pequenos de forma mais leve e com menos ingredientes que ainda não estão em seus paladares. Ingredientes para uma tarde agradável e descontraída não faltarão na terceira edição da Chef Mix.

Feira Gastronômica Chef Mix

Data e Horário: 27/09 das 17:00 ás 00:00 hs / 28/09 das 12:00 ás 19:00hs.
Local: Condomínio Cidade jardim – Avenida Vice Presidente José Alencar, 1515.
Entrada Gratuita

Principais atrações:

•         Dois dias de evento
•         Mais de 14 horas de festival gastronômico. 
•         Primeira feira gastronômica do RJ a trazer food trucks
•         Food trucks de São Paulo e presença de food truck 100% carioca, veículos sustentáveis – 100% energia solar
•         DJ Luiz Mello
•         Jazz com a Inglesa Folakemi
•         Mais de 80 pratos diferentes de comidas
•         Food Truck de vinhos e espumantes
•         Iluminação especial para harmonizar o local do evento
•         Aulas de gastronomia para crianças
•         Menu infantil
•         Oficinas de gastronomia com Chefs durante a semana

Fonte: MidiaBacana - Assessoria de Imprensa da Feira Chef Mix

Foto: Divulgação


Crianças de Queimados participam de Piquenique Ambiental

Ação educativa teve plantio de 100 mudas

Foto  de crianças no piquenique ambiental
Videogames, tablets, internet e canais a cabo parecem ser os atrativos dessa geração, mesmo quando se trata de pequenininhos. Mas nesta terça-feira, dia 22, mais de 40 crianças de Queimados de 4 a 12 anos puderam ter um dia diferente do habitual, aprendendo a cuidar do meio ambiente e da natureza. Com o objetivo de orientar o público infantil sobre as práticas sustentáveis e apresentar aos pequenos as áreas de preservação ambiental (APAs) do município, a Secretaria Municipal do Ambiente (SEMAM) criou o Piquenique Ambiental. O projeto consiste na organização de uma ação educativa de forma lúdica, voltada para o público infantil, que acontece anualmente em uma das quatro APAs da cidade. Neste ano ela aconteceu na Área de Preservação Ambiental Horto Municipal Luiz Gonzaga de Macedo com crianças do Núcleo de Atenção ao Estudante (NAE), da Associação Circo Social Baixada e da comunidade local.

O Piquenique Ecológico aconteceu em dois turnos, das 9 às 12 horas e das 14 às 16 horas, onde foram plantadas 100 mudas. Além disso, as crianças participaram de uma gincana da “Caça ao Tesouro”, como forma de entretê-los com uma atividade, enquanto aprendiam sobre a vida dos insetos. Foram abordadas também práticas saudáveis do dia-a-dia, como descarte e recolhimento de lixo, além de conheceram placas de sinalização em prol do meio ambiente. Segundo o secretário municipal do Ambiente, Alex Dornellas, a data foi escolhida pela entrada da primavera e as mudas plantadas serão revisitadas no próximo ano pela mesma turma para ver o trabalho. “Este espaço é nosso, e do que é nosso devemos cuidar. A idéia é aproximar os munícipes das práticas ambientais, mostrando às crianças que, desde pequenos, já podem ser multiplicadores do meio ambiente“, destaca o secretário.

Cerca de seis educadores também participaram da atividade, sendo orientados sobre como trabalhar o tema no ano letivo. No ano passado o piquenique ocorreu no Parque Municipal Natural do Morro da Baleia, em comemoração à Semana do Meio Ambiente, em julho, com 50 alunos da Escola Municipal Doutor Francisco Manoel Brandão. Dono do nome que leva o parque, o senhor Luiz Gonzaga de Macedo, também esteve presente aos 90 de idade e elogiou a iniciativa. “É muito bonito ver que esta cidade está crescendo em todos os sentidos, ela não só deixou de ser cidade-dormitório, como também passou a cuidar de suas áreas de preservação. Isso aqui era um matagal cheio de lixo, hoje está muito bem cuidado e reflorestado. O prefeito Max Lemos está de parabéns. Vamos fazer daqui o nosso Jardim Botânico”, destacou Macedo. 

Fotos: Luiz Ambrósio

Defesa Civil de Queimados elabora Plano de Contingências para reduzir riscos de desastres 


Agentes da Secretaria Municipal de Defesa Civil de Queimados participaram nesta terça-feira, dia 23, da 3ª reunião do Plano de Contingências (Plancon) para prevenção e redução de riscos contra desastres, no 4º Grupamento de Bombeiros Militar (GBM), em Nova Iguaçu. A reunião teve o objetivo de orientar os agentes e auxiliar na finalização do plano de ação e de prevenção dos 13 municípios da Regional de Defesa Civil (REDEC) da Baixada Fluminense. As medidas irão servir para atuar nos casos de desastres relacionados às chuvas fortes e prolongadas. Definir pontos da cidade que são suscetíveis a enchentes e deslizamentos, criar Grupos de Ações Coordenadas (GRACs) para atuar em casos de crise, mobilizar recursos operacionais para estabelecer pontos de apoio para atendimento da população nestas situações foram alguns dos assuntos abordados durante a reunião.

Em parceria com o Governo do Estado, as ações são baseadas no último Mapa de Ameaças Naturais que define os cincos principais riscos dos 92 dos municípios do Estado do Rio. Atualmente, o Plancon do município de Queimados conta com 10 sirenes de alertas espalhadas em processo final de instalação, com previsão de funcionamento para outubro deste ano. Elas ficarão em pontos considerados críticos como os Morros da Torre, Cruzeiro, Caixa D’água, da Paz, Azul, São Simão e nos bairros Santa Rosa, Fleissman e Vale Ouro. O sistema de alerta engloba o envio de SMS aos agentes de controle quando são detectadas elevações dos níveis pluviométricos e acionam as sirenes para sinalizar os moradores que vivem em locais com riscos de deslizamentos e alagamentos. Semanalmente a Defesa Civil da cidade colhe os dados do Centro Nacional de Monitoramento de Alertas de Chuvas (Cemadem) e do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) para realizar as previsões.


De acordo com a Defesa Civil de Queimados, a cidade possui 23 pontos de alagamentos e nove possíveis pontos de deslizamentos. Para o chefe de atendimento às emergências do município, Faria, os pontos foram identificados no último levantamento da secretaria e, para que não ocorram possíveis desastres naturais na cidade, estão em fase de conclusão do plano de contingências. “Os pontos mais comuns são os alagamentos. Já os deslizamentos são poucos e não oferecem tantos riscos assim. O plano vai servir para amenizar possíveis desastres e fazer com que possamos nos antecipar em casos de crise. Ele engloba desde nossos sistemas de alertas por sirene que é acionado quando há um alto índice pluviométrico, à definição de pontos de apoio para famílias que sejam atingidas pelas chuvas até a mobilização operacional de agentes e viaturas”, explicou.
                     
Os Planos de cada município serão entregues, no dia 13 de novembro, às secretarias de Estado e Nacional de Proteção e Defesa Civil. Antes, os planos de ações vão passar por uma avaliação técnica no dia de 23 de outubro, na Escola de Defesa Civil do Estado – ESDEC. Com as informações em mãos, a Defesa Civil do Estado vai estabelecer diretrizes e ações que podem agilizar a operação para reduzir os riscos de desastres.  


fotos: Bruno Anacleto-PMQ 

sexta-feira, 19 de setembro de 2014


EDUCAÇÃO DE QUEIMADOS CONTRATA PROFISSIONAIS NESTA SEGUNDA DIA 22

A Secretaria de Educação de Queimados está com 76 oportunidades abertas para os cargos de intérprete de libras e cuidador para alunos com necessidades especiais, sendo nove para início imediato e 67 de cadastro de reserva. Os cargos serão preenchidos sob regime de contratação, com duração de nove meses, de acordo com os termos da Lei 452/99. Para isso foi instituído uma Comissão para processo seletivo simplificado que aprovará os candidatos a partir de provas de títulos que envolvem experiências e cursos nas áreas pretendidas. As inscrições serão feitas através de entrega de currículo impresso na sede da secretaria, localizada na Rua Hortência, nº 06, Centro, no dia 22 de setembro das 9h às 16h. A pontuação obtida por todos os candidatos inscritos será divulgada, assim como a listagem dos selecionados, através de publicação no Diário Oficial de Queimados – DOQ, do dia 29 de setembro de 2014.

O cargo de cuidador de alunos com necessidades especiais tem o salário de R$1.009,66 para a jornada de 40h semanais. Já o cargo de intérprete de Libras possui o salário de R$812,97, para a jornada de 20h semanais. Para os dois cargos são previstos cadastro de reserva a ser preenchido de acordo com a vacância e têm como requisitos o ensino médio completo mais títulos como cursos e experiências na área do cargo pretendido.  

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

A PROPOSTA DA DILMA É MAIS EMPREGO E RENDA, A DOS OUTROS É O DESEMPREGO

VAGNER FREITAS



"Marina fala em atualizar as regras para ajudar na geração de empregos. 
O que isso significa? Quando os 
empresários falam isso eles são claros: 
querem diminuir direitos e ampliar 
lucros. Nada mais que isso"




O mundo do trabalho é praticamente ignorado pela candidata do PSB à sucessão presidencial, Marina Silva. Até agora, pouco se sabe sobre suas propostas para assuntos fundamentais para a classe trabalhadora, como: geração de emprego decente, combate à rotatividade e as condições de trabalho análogas à escravidão, direito á negociação coletiva no serviço público e outros temas de interesse da classe trabalhadora.

E o que já foi divulgado sobre o que a candidata pensa é extremamente preocupante. Afinal, estamos falando de um universo de 101 milhões de brasileiros e brasileiras aptos ao trabalho - como os economistas definem a população economicamente ativa (PEA). Deste total, 94,7 milhões trabalham e 6,26 estão desempregadas. Dos que estão trabalhando, praticamente metade são formais. 

O que foi divulgado sobre as propostas de Marina para esse enorme contingente é tão genérico que não dá para analisar. É o caso das alterações que ela quer fazer na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT); ou a clara ameaça para a classe trabalhadora, como é o caso da proposta de regulamentação da terceirização.

É claro que ela pode voltar atrás, dizer que estão distorcendo o que ela diz ou escreve, apontar o dedo, me acusar de perseguição. Faz parte do jogo. O fato concreto é que estamos nos baseando apenas no que ela diz para empresários - com representantes dos/as trabalhadores/as ela não fala -, ou no que está escrito em seu programa de governo.

Sobre os "ajustes" na CLT, o programa da candidata socialista é vago. Diz apenas que é preciso haver "mudanças". Esta semana, em São Paulo, Marina falou para empresários que fará uma "atualização" da legislação trabalhista, caso seja eleita. Como sempre, evitou detalhar quais seriam as alterações, mas se antecipou as críticas dos representantes dos/as trabalhadores/as dizendo que não seria uma "flexibilização" das regras.

É inacreditável que uma candidata a presidente fale em mudar uma Lei que afeta mais de 100 milhões de trabalhadores/as e não explique o que pretende mudar. Pior é a resposta que Marina deu quando questionada: "Ainda não temos resposta, esse assunto é muito complexo".

Já a terceirização é um dos poucos temas de nosso interesse tratado no programa de governo da candidata em mais de uma linha genérica. E a notícia não é nada boa. Marina defende a terceirização usando os mesmos argumentos dos patrões. Vejam o que está escrito lá: "a terceirização leva a maior especialização produtiva, a maior divisão do trabalho e, consequentemente, a maior produtividade das empresas. Com isso, o próprio crescimento do setor de serviços seria um motor do crescimento do PIB per capita".

Distante do mundo do trabalho há muito tempo, Marina não conhece a realidade dos/as trabalhadores/as, não sabe que terceirização precariza a mão de obra, deteriora as condições de trabalho, aumenta as jornadas, reduz os salários, coloca em risco a saúde e a vida dos trabalhadores. Matéria da Carta Capital desta semana tem um dado que a candidata deveria conhecer: na construção civil, 55,5% dos óbitos foram de terceirizados em 2013. Outro dado importante: o terceirizado está mais sujeito a violação de direitos trabalhistas e ao trabalhado análogo à escravidão.

O que queremos saber é: como Marina pretende mudar a CLT ou "regulamentar" a terceirização sem tirar direitos dos/as trabalhadores/as? Ela fala em atualizar as regras para ajudar na geração de empregos. O que isso significa? Quando os empresários falam isso eles são claros: querem diminuir direitos e ampliar lucros. Nada mais que isso.


No Brasil, nunca ouvimos ninguém falar em reformar a CLT para beneficiar os/as trabalhadores/as. FHC (PSDB) é um exemplo disso. Ele tinha um projeto de "atualização" da CLT que representava, de fato, a total desregulamentação do mercado de trabalho e tirava direitos conquistamos depois de muita luta, pressão de mobilização. É isso que Marina está dizendo?

Há dezoito dias da eleição, a única certeza que temos sobre Marina é que ela não tem compromisso com a classe trabalhadora. E os aliados da candidata, tanto parlamentares quanto banqueiros, empresários e, principalmente, seus colaboradores e assessores, são absolutamente hostis aos direitos dos trabalhadores. Para eles, flexibilizar é modernizar a legislação. Para nós, é retirar direitos conquistados ao longo da história e ampliados nos últimos doze anos.

A única certeza que temos é a de que a não reeleição da presidenta Dilma Rousseff seria um enorme retrocesso para os/as trabalhadores/as. Dilma é a única candidata que tem propostas concretas para melhorar a vida da sociedade.

Defendemos e vamos reeleger o projeto democrático e popular representado por Dilma porque uma mudança agora coloca em risco tudo que foi feito nos últimos anos, quando, apesar da crise econômica internacional, foram gerados mais de 20 milhões de empregos – atingimos, pela primeira vez, o menor índice de desemprego já registrado no Brasil -, o salário mínimo subiu 73% acima da inflação e os demais salários 85%. Apesar das pressões Dilma e Lula não retiraram direitos trabalhistas, muito pelo contrário, garantiram direitos para quem não tinha como as trabalhadoras domésticas. É importante lembrar que 93% deste universo é formado por mulheres e a maioria é negra.

Defendemos e vamos reeleger Dilma porque, depois de incluir, formalizar e melhorar salário, ela é a única capaz de enfrentar com sucesso o desafio de consolidar o desenvolvimento econômico e social, com distribuição de renda e trabalho decente. Estamos falando em gerar mais e melhores empregos, incluir mais pessoas no mercado de consumo. Isso abrirá novas possibilidades, e avanços para o trabalhador já inserido e para o que ainda não tem ocupação.

Fonte: http://www.brasil247.com/+w6pkb

O USO DO FORMOL 

Saiba como essa substância é perigosa 


Muitas mulheres querem estar sempre com os cabelos bonitos, lisos, soltos, com um brilho intenso e muitas das vezes acabam opinando por usar o Formol, não só as mulheres, na verdade hoje em dia muitos homens também estão entrando nessa moda, mas sem pensar nas graves consequências que a substância pode causar. Além de usar nos cabelos, muitas pessoas estão usando também para o crescimento das unhas. Até eu mesma já usei e achava que era pura mentira o que diziam. Mas depois de alguns relatos que vi de pessoas que sofreram a consequência por ter usado resolvi parar.

O QUE É FORMOL?

O formol é um composto tóxico usada principalmente para a conservar tecidos humanos, evitando sua decomposição. Em doses altas e sob o calor dos secadores, se torna um gás altamente nocivo à saúde. Ao ser inalado, pode causar problemas respiratórios, desmaios, dores de cabeça, vômito e irritações na garganta e olhos. Já o contato de grande quantidade de formol em sua forma líquida na pele pode gerar: irritações e até mesmo queimaduras na derme e também no couro cabeludo; queda parcial ou total de cabelo. Além disso, o ele é considerado cancerígeno, e a mais grave consequência da exposição a tal substância é o óbito, que poderá ocorrer em decorrência de um choque anafilático causado pela sua inalação.
Nos cabelos, em altas quantidades ele tem o poder de conservar o formato dos fios no estado em que foi moldado. Apesar de deixar o cabelo liso por meses, o resultado do uso é o enfraquecimento dos fios e ressecamento, haja vista que causa danos à cutícula dos mesmos, ou seja, à camada mais superficial dos fios. O formol é responsável por dissolver as moléculas dos óleos que envolvem os fios do cabelo, o que, por conseguinte, acarreta no endurecimento dos fios. Além disso, o brilho que o ele proporciona aos cabelos é uma ilusão, algo que dura pouco tempo, isso porque o essa substância é responsável pela formação de uma película vítrea que envolve os fios e que concentra os nutrientes, a qual, contudo, é eliminada após algumas lavagens. Por isso, procure sempre uma escova progressiva sem formol.

O QUE PODE SUBSTITUIR O USO DO FORMOL E ALISAR O MEU CABELO? 

É importante que o produto alisante seja indicado para o seu tipo de cabelo. Para alisar cabelos crespos, muito encaracolados, estilo afro, a substância química ideal é o Hidróxido de Sódio, que é um produto sem cheiro que pode permanecer até 30 minutos no cabelo e que necessita de retoque na raiz dentro de aproximadamente 6 meses.


Já quem deseja alisar os cabelos que são encaracolados, mas não afro, deve optar pelo Tioglicolato de amônia; e quem possui o cabelo misto e com cachos pouco definidos e vários sentidos de crescimento dos fios, deve optar pelo Hidróxido de Guanidina. Todos eles conferem bons resultados e não contém formol na sua fórmula.

Vale lembrar que o perigo é maior quando há inalação. É o caso que acontece quando usado em escovas progressivas. 


CONSERVAÇÕES PERMITIDAS
Como conservante: 0,2%
Em esmaltes: 0,5%





Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju tavares
Foto: Google

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

VEM AÍ, O 1° DESFILE ''PARAMODA'' DE QUEIMADOS

Sirlene Marquerole, 37 anos trabalha no Rio e Queimados, estuda psicologia à noite e faz academia, além de ser mãe e não ter empregada doméstica, ela conta com a ajudinha do carro para conseguir cumprir todas as agendas; Lindiana Coutinho,45, mora em Queimados, trabalha no Rio e cursa o 10º período de direito, à noite em Nova Iguaçu. Ambas têm alguma deficiência. Uma é moletante e a outra cadeirante, deficiências que não lhe retiraram a disposição para cuidar de suas vidas. Toda esta disposição será destacada no 1º Desfile para pessoas com deficiência promovido pelo professor e produtor de moda, Wall Araújo em parceira com a Secretaria Municipal de Cultura e a Coordenadoria Municipal de Pessoas com Deficiência, atrelada à Secretaria Municipal de Direitos Humanos nesta quinta, 19/09, às 17h na Praça N.ª S.ª da Conceição.


Segundo Wall Araújo, este será o primeiro desfile do gênero na cidade e surgiu da necessidade de conscientizar os logistas a criarem mais condições para que estas pessoas tenham acesso facilitado às compras. “Nossa maior intenção é a inclusão social destes cidadãos que têm o direito de ter o seu espaço respeitado na sociedade. Elas são ativas e precisam de rampas de acesso, caixas especiais, banheiros adaptados, entre outras facilidades”, destacou.


Sirlene Marquirole da Coordenadoria Municipal de Pessoas com Deficiência, informou que o evento também estará recolhendo alimentos não perecíveis para doar para a APAE (Associação de Pais e Amigos de Pessoas com necessidades Especiais). Também irão desfilar pessoas com deficiência visual e mental, num total de 10 modelos, entre eles alguns com alguma experiência como modelo.


Para quem gostaria de aprender mais sobre moda e boas maneiras, Wall Araújo está com inscrições abertas para o seu curso livre, em parceria com as Secretarias Municipais de Cultura e Terceira Idade. As aulas acontecem no CELTI (Centro de Esporte e Lazer da Terceira Idade), Vila Pacaembu, às terças, das 14h às 15:30h e as quartas, das 9h:30 às 11h. O curso é destinado às pessoas acima de seis anos. Para os menores é necessário o acompanhamento do responsável.

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares

VÍRUS EBOLA

Saiba o que é, sintomas e transmissão da doença rara

A febre hemorrágica ébola (português europeu) ou ebola (português brasileiro) (FHE) é a doença humana provocada pelos vírus ebola. Os sintomas têm início duas a três semanas após a infeção, e manifestam-se por febre, dores musculares, dores de garganta e dores de cabeça. A estes sintomas sucedem-se náuseas, vômitos e diarreia, a par de insuficiência hepática e renal. Durante esta fase, algumas pessoas começam a ter problemas hemorrágicos.

A propagação da doença em determinada população tem início quando uma pessoa entra em contato com o sangue ou fluidos corporais de um animal infetado, como os macacos ou morcegos-da-fruta. Pensa-se que os morcegos-da-fruta sejam capazes de transportar a doença sem ser afetados. Após a infeção, a doença é transmissível de pessoa para pessoa, inclusive através do contato com pessoas mortas em decorrência do vírus. Os homens que sobrevivem à doença continuam a ser capazes de a transmitir por via sexual durante cerca de dois meses. O diagnóstico tem geralmente início com a exclusão de outras doenças com sintomas semelhantes, como a malária, cólera ou outras febres hemorrágicas virais. Para a confirmação do diagnóstico inicial, o sangue é posteriormente analisado para detetar a presença de anticorpos do vírus, de ARN viral ou do próprio vírus.

A prevenção é feita através de medidas que diminuem o risco de propagação da doença entre macacos ou porcos infetados e os seres humanos. Isto pode ser conseguido através do rastreio destes animais e, no caso de ser detectada a doença, matando e eliminando de forma apropriada os corpos. Deve-se também cozinhar a carne de forma adequada e é recomendado usar vestuário de proteção quando se manuseia carne. Na proximidade de uma pessoa infetada é recomendado que se lavem as mãos e que seja também usado vestuário de proteção.

Não existe tratamento específico para o vírus. O tratamento envolve a administração de terapia de reidratação oral ou intravenosa. A doença tem uma taxa de mortalidade extremamente elevada – até cerca de 90%. Geralmente ocorre durante surtos em regiões tropicais da África subsariana. Entre 1976, o ano em que foi pela primeira vez identificada, e 2014, o número de casos registados em cada ano foi sempre inferior a 1000. O maior surto registado até 2014 foi o surto de ebola na África Ocidental de 2014. A doença foi identificada pela primeira vez no Sudão e na República Democrática do Congo. Tem havido esforços no sentido de desenvolver uma vacina, embora, à data de 2014, não esteja ainda disponível.

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares

HÁBITO DE FUMAR VIRA ''FUMAÇA'' COM PROGRAMA ANTITABAGISMO EM QUEIMADOS
70% das pessoas que ingressaram no programa conseguiram largar o vício do cigarro 

De que o cigarro possui mais de 4.700 substâncias tóxicas e faz mal a saúde todos sabem. Agora, fazer com que os fumantes criem consciência desse mal e larguem a dependência do cigarro não é uma tarefa nada fácil. É pensando nisso que a Prefeitura de Queimados, através da Secretaria Municipal de Saúde, implantou no município desde 2010 o Programa de Antitabagismo para fazer com que os fumantes larguem o vício de uma vez e tenham uma melhor qualidade de vida.


O programa consiste basicamente na criação de grupos de apoio que compartilham suas experiências com outros colegas para estimular a luta contra o fumo.  Durante o tratamento, os  pacientes usam medicamentos como adesivos à base de nicotina para inibir a vontade de fumar, goma de mascar e da possibilidade de uso do medicamento que reduz a ansiedade, a Bupropiona (Bup). Nos encontros, que acontecem ao menos uma vez por semana, uma psicóloga e um clínico geral acompanham os fumantes durante o período de tratamento. 

A secretária municipal de Saúde, Drª. Fátima Cristina, explicou sobre os procedimentos e o funcionamento do programa. "Com duração de um ano ou mais dependendo do caso, o programa de antitabagismo disponibiliza medicamentos que são distribuídos gratuitamente. Antes de fazer o uso dos medicamentos, os pacientes são encaminhados para uma bateria de exames clínicos de sangue, eletrocardiograma e raio-x do tórax. A medida é para evitar possíveis alergias às medicações e também para avaliar o grau de dependência do fumante", contou Drª Fátima.  

"Para largar o vício, primeiro temos que largar os maus hábitos" 

Para a coordenadora e psicóloga do programa, Selma Sardinha, é importante que o fumante tenha o desejo de largar o vício do cigarro já que em muitos casos o processo não é rápido. “Cada fumante tem uma história em relação ao cigarro, ou seja, cada caso que chega até nos é diferente do outro. Tivemos pessoas que pararam de fumar em apenas um mês e outras que levaram mais de um ano pra isso. Sempre digo nas reuniões que para largar o vício, primeiro temos que largar os maus hábitos. Pequenas atitudes podem fazer muita diferença no tratamento. Por exemplo, levar poucos cigarros à janela ao invés do maço é uma técnica para reduzir o consumo de quem fuma antes de dormir. Quanto mais afastado o cigarro está do fumante, menos tentação ele terá. Essa é uma das várias atitudes que podem ser feitas”, contou Solange. Ainda de acordo com Sardinha, quase 800 pessoas ingressaram no programa e 70% pararam de fumar.

Para os colegas de programa, o aposentado José Tomás Neto, de 66 anos, e a dona de casa, Maria José Ramos, de 53 anos, depois que participaram das reuniões de apoio em grupo suas vidas mudaram para melhor já que fumavam há mais de 30 anos. “Entrei no programa há três meses e já consigo ver a diferença. Percebi que minha respiração melhorou e consigo dormir melhor. Chegava a fumar 40 cigarros por dia e gastava R$ 460,00 por mês. Com esse dinheiro poderia pagar a prestação de um carro ou até mesmo de uma casa. Fui um tolo em fumar durante tanto tempo!”, contou José Tomas, que está há quase dois meses sem fumar e recebe um salário mínimo de aposentadoria.   

A dona de casa disse que entrou no programa por sentir cansaço e mal estar, além de ser pressionada pela própria família e amigos. “Felizmente estou parando de fumar. Achava que era impossível, mas não é. Faço parte do programa há um ano e tem um mês que não coloco um cigarro na boca. As pessoas do meu convívio não suportavam o cheiro e me pressionavam muito pra largar até que resolvi dar um basta”, contou Maria José, que chegava a fumar dois maços por dia.  

Cigarro mata mais que Aids, drogas, suicídios e acidentes de trânsito   

De acordo com a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), o tabagismo é o responsável por cerca de 30% das mortes por câncer no Brasil, sendo 90% das mortes por câncer do pulmão, 25% por doença coronariana (coração), 85% por doença pulmonar obstrutiva e 25% das mortes por derrame cerebral. As doenças ocasionadas pelo fumo matam 3 milhões de pessoas no mundo por ano.  Ainda de acordo com OPAS, estima-se que o cigarro cause a morte de cerca de 30 milhões de pessoas no mundo até 2030. Atualmente, o tabaco é mata mais que a soma das mortes por Aids, cocaína, heroína, álcool, suicídios e acidentes de trânsito.

Para se inscrever no programa, os interessados devem ir a sede da Vigilância em Saúde (Avenida Irmãos Guinle, n° 673 - Centro, munidos com os documentos: CPF, Identidade, Comprovante de Residência e o Cartão do SUS. As reuniões em grupo acontecem as segundas, quartas, quintas e sextas, de manhã e a tarde. Mais informações pelo telefone: (21) 2665-5815.

Blogueira: Juliana Andrade - Face: Juju Tavares
Fotos: Luiz Ambrósio-PMQ